Magagaga

Janeiro 9th, 2014

Poucas são as figuras consensuais, que pelos seus feitos, valores e forma de estar na vida merecem a admiração de todo um povo.

Eusébio da Silva Ferreira juntou ao seu inegável e enorme talento futebolístico a sua humildade, simpatia e desportivismo, que o tornaram num símbolo maior do futebol, do desporto e de Portugal.

Para todos que amam o desporto, e o futebol em particular, Eusébio foi, é, e será, uma figura incontornável, que inspirou a sua geração e as que se seguiram, e que continuará a ser um exemplo que devemos manter vivo na nossa memória.

Os Homens de valor devem sempre ser lembrados, sem idolatrias mas com imenso respeito e admiração, e por isso, à falta de estórias pessoais passadas com ele e palavras dignas da sua grandiosidade, aqui deixo estes dois vídeos muito interessantes para quem o quiser conhecer melhor.

Descansa em paz Magagaga.

622_69870aab-2c5a-39dd-b0de-195e45181c65

Ready, set, go!

Janeiro 2nd, 2014

Já há muito não tinha esta sensação de estar na linha de partida, à espera que caia o verde para arrancar a todo o gás.

É assim que entro em 2014.

Tanque cheio, pneus com a pressão certa, motor afinado, equipa preparada e motivada para dar todo o fundamental apoio nas boxes.

Dentro do veículo já se sente o pulsar acelerado do coração, estando o piloto cheio de força, confiança e vontade, para fazer a vida avançar a toda a velocidade, acelerando a fundo nas retas e agarrando com unhas e dentes todas as novas oportunidades que apareçam nas curvas, sempre com muito ritmo, batida e harmonia.

Os extintos Da Weasel, marcaram uma parte importante da minha vida, musicalmente, e por isso me lembrei de os trazer cá para dentro, para dar ambiente sonoro a este estado de espírito.

Vamos lá a isso, que estou ansioso para pôr o pé na tábua.

E vocês, estão prontos?

Ready, set, go!

ready-set-go-pic-001

Abertura da quadra natalícia

Dezembro 5th, 2013

As tradições ainda são o que eram, pelo menos neste moquifo.

Todos os anos se abre a quadra natalícia, aqui pelo Ninho, com a visionamentalizacionalização de uma das mais deliciosas peças de escrita natalícia, personificadas em televisão pelo grandiosíssimo Herman José e a sua crew.

É a Música no Coração cá do sítio, o Natal dos Hospitais deste blogue, o Coro de Santo Amaro de Oeiras desta página.

Não me consigo fartar – e já lá vão muitos anos – deste magnífico sketch, arejado na muy nobre e digna de leitura Herman Enciclopédia, na última década do século passado.

É o vídeo que todos os anos me faz rir e desejar do fundo do coração que todos vivam intensamente esta quadra natalícia.

Bom Natal!

 

 

 

Viana do Castelo

Outubro 3rd, 2013

Reparei esta semana que, após largas centenas de posts neste blogue, nunca dediquei umas míseras linhas à terra que me viu nascer.

Nasci lá, mas logo nos primeiros dias abalei para outros lados, primeiro para Vidago e depois para Braga, cidade também muito especial para mim porque lá fiz todo o meu percurso de crescimento até à idade adulta.

Este afastamento poderia ter feito desvanecer a importância que Viana do Castelo deveria ter para mim, e assim terá sido, talvez, por muitos anos.

O tempo tem destas coisas, e sinto hoje que Viana do Castelo me corre no sangue, pela paixão que a minha mãe me transmitiu desde sempre por esta cidade, mas principalmente porque tive a oportunidade de lá viver por cinco anos, já em idade adulta, e apaixonar-me eu próprio pela cidade, pelas suas gentes, tradições e qualidade de vida.

Viana tem rio, mar, montanha, espaços verdes, património edificado, tradições centenárias, espaços de lazer com características ímpares, zonas pedonais e ciclovias de qualidade, equipamentos públicos excelentes, uma gastronomia ímpar e tem – acima de tudo – boa gente, hospitaleira, simpática, acolhedora, divertida, amiga, solidária, com um cantar na voz que conquista e encanta.

Viana tem luz, tem cor, é uma cidade aberta, que respira, e que simultaneamente nos envolve no seu manto de ruelas, que nos seduz a cada esquina, com o pitoresco a misturar-se com a modernidade, numa beleza contínua a que ninguém pode ficar indiferente.

Estar fora de Viana depois de lá ter vivido dá-nos a real dimensão do valor que esta cidade tem, e a palavra saudade aparece profundamente gravada, seguramente, no coração de todos os que um dia já lá viveram.

A ribeira, a Praça da República, a praia Norte, Santa Luzia, o Cabedelo, a ponte sobre o Lima, os trajes, as bolas de berlim do Natário, as vendedoras de peixe na rua, as esplanadas, a doca, o Forte de Santiago da Barra, o barbeiro onde se sabe tudo o que se passa na cidade, a tasca do Tóne Bento, a marginal, a Praça da Erva, a Avenida dos Combatentes, a nortada, a feira, as noites de Verão pelas ruas, a estação, a música tradicional e contemporânea que se ouve nos jardins, o artesanato, a marina, a romaria da Senhora d’Agonia, o Gil Eannes… caramba… até do prédio Coutinho se sente falta home!

Para matar a saudade, felizmente, há quem sinta Viana como nós e se dedique a apresentá-la na sua melhor forma, como neste vídeo que aqui vos deixo, que é sublime e emociona quem sente Viana bem cá dentro.

Sky World – Breathe [HD] from HD Mediascapes on Vimeo.

 

Natal 2012

Dezembro 3rd, 2012

Como não podia deixar de ser, aqui no Ninho celebra-se a entrada nas festividades natalícias com uma das mais belas pérolas de humor nacional, no saudoso Herman Enciclopédia.

Para ver e rever, duas vezes ao dia depois das refeições.

Boas festas!