Viajar

Outubro 17th, 2013

Se tiver que definir felicidade por outra palavra única, a primeira que me ocorre logo a seguir a “filhos”, “família” e “amigos”, é “viajar”.

É de certa forma um lugar comum afirmar que, se tivesse possibilidade, passaria a vida a viajar.

Para entenderem o que significaria para mim essa possibilidade, digo-vos que seria como insuflar um balão gigante com um interminável fluxo de felicidade.

Viajar, para mim, é sinónimo de aventura, sonho, descoberta, partilha, pessoas, sentidos, sentimentos, liberdade, conhecimento.

Já viajei de várias formas, utilizando diferentes meios de transporte, com mais ou menos dinheiro no bolso, a trabalho ou em lazer, dormindo em hóteis de luxo ou ao relento, por vários continentes, em zonas rurais, de praia ou urbanas.

De todas as viagens trouxe inevitavelmente riqueza, paixão, experiência, crescimento, maturidade e uma visão diferente, do mundo e do meu lugar nele.

Gostava de ter o desprendimento  e a coragem para fazer do viajar vida, mas tenho profundamente implantada em mim uma necessidade de segurança e estabilidade mínimas que me agrilhoam esta vontade.

Resta-me alimentar o vício como posso, a espaços, ou deixar que a minha mente viaje por mim e me traga um souvenir de cada lugar que visitar.

getting-ready-to-travel-hd


Trackback URI | Comments RSS

Leave a Reply

Name

Email

Site

Speak your mind