Amuo na festa

Outubro 6th, 2011

Na casa de banho, a meio de uma festa:

– Que se passa Rafinha? Sentes-te bem?

– Nem por isso. Dói-me muito a barriga!

– Já fizeste cocó?

– Não é isso. Estou mal disposto.

– Bebes-te muito?

– 3 flutes de Champomy e um shot de Trina Limão. Mas já tinha bebido meio litro de groselha em casa…

– Pois! As misturas! Já se sabe! Eu fiquei-me só pelo Champomy e estou aqui impecável.

– Mas desconfio que o segurança é que me pôs assim. Quando me pegou pelas mãos e me pôr a rodopiar e depois me atirou para cima do sofá.

– Ei! A sério? E que tinhas feito tu?

– Nada. A sério. O gajo chegou à minha beira vindo do nada e pegou em mim. Só.

– Fogo. Eu nem vi nenhum segurança.

– O tipo é estranho. Com uma peruca verde e um nariz vermelho.

– Eh eh eh eh eh! O palhaço?

– Sim. É um palhaço! Deve ter a mania que é o maior lá da rua dele!

– Estava a brincar contigo de certeza, ele não é segurança, só está aqui para nos divertir.

– É… mas a mim pôs-me enjoado! Ouve… e a música também não ajuda nada. Quem é que contratou este gajo?

– Não gostas?

– Olha lá, a música do Ruca a seguir ao genérico do Digimon? Tás a gozar comigo? Este gajo devia ser proibido de pôr música!

– Não é um gajo, é uma menina.

– Eu vi logo. Modernices. até admira ter passado o Ruca então. Daqui a um bocado é só Barbies e Kittys e anda tudo aí com bonecas.

– Não sejas assim- Olha que ela é bem fixe. Até me trouxe um brinquedo novo e tudo.

– Uiiii! O Danizinho gosta de brincar com as meninas. Uiiii! Nunca pensei que fosses desses.

– Chiiiiiiu! Não comeces com isso! É um Matchbox último modelo que o pai lhe trouxe da América. Querias que dissesse que não?

– Tens aí?

– Tenho. Queres ver? Olha.

– Eia! Que fixe! E não me ias dizer nada? Vamos brincar?

– Ok. Limpa a boca e puxa o autoclismo.

– Não chego lá.

– Chama a tua irmã.

– Isso! ISAAAAAURA! ANDA PUXAR O AUTOCLIIIIISMO! Vamos brincar?

– Bora.


Trackback URI | Comments RSS

Leave a Reply

Name

Email

Site

Speak your mind