Lar de alterne

Janeiro 12th, 2011

Poucos negócios terão conhecido um crescimento tão acentuado nos últimos anos como os dedicados aos gerontes.

Lares de terceira idade, centros de dia, universidades e turismo sénior, são negócios em franca expansão e com uma enorme margem de progressão ainda.

Poucos negócios se terão mantido tanto no tempo, com tanta procura e com tanta margem de lucro como os que gravitam em torno do sexo.

Bordéis, pornografia, revistas eróticas, bares de alterne, são negócios que perduram, francamente consolidados nos hábitos de consumo a nível mundial.

Se está numa fase da sua vida em que procura um investimento seguro, deve pensar seriamente em juntar estas duas realidades.

A solução ideal para conciliar estes dois ramos de negócio seria a criação de um espaço residencial designado de “lar de alterne”, onde só se admitissem clientes de terceira idade com vontade de estar permanentemente rodeados de profissionais do sexo.

Estas profissionais teriam que receber a devida formação em primeiros socorros e suporte básico de vida – indispensáveis a quem trabalha o mercado sénior – mantendo a linguagem ousada e provocante e a maquilhagem exagerada, ao mesmo tempo que partilhariam a ingestão de bebidas soft, cocktails e medicamentos, em são convívio com os residentes.

Teriam também a tarefa de lhes cuidar da higiene diária, mas sempre vestindo roupa sexy e ordinária, que estimule a velha libido.

Os idosos receberiam uma mesada para gastar, em notas com a marca própria do lar, de modo a fornecer um toque de realismo à relação cliente/alternadeira.

Sucesso garantido, até porque a rotatividade dos clientes teria tendência a ser maior dos que nos tradicionais lares de terceira idade, devido às fortes sensações a que os anciãos estariam sujeitos.

Ou então não.

Se calhar até era aí que se encontraria o segredo da eterna juventude.


Trackback URI | Comments RSS

Leave a Reply

Name

Email

Site

Speak your mind