Passarinho acamado

Dezembro 10th, 2010

Haverão poucas coisas na vida que dêem tanto prazer como poder ficar a preguiçar na cama uma manhã inteira.

Agora, quando isso acontece de forma inesperada e  forçadamente, porque nos sentimos como se tivéssemos uma lareira acesa ao nível do estômago, com um piaçaba de arame farpado a percorrer a garganta permanentemente e um macaco hidráulico a tentar abrir-nos o crânio por dentro, não é nada agradável.

Para piorar um bocadinho, tanta coisa para fazer hoje, sem possibilidade de ficar para amanhã, e a necessidade premente de ligar o computador para cumprir ao máximo as obrigações pendentes, apesar de o ecrã parecer um enorme clarão que entra pelos olhos de forma aguçada, como se estrelas brilhantes e pontiagudas se acotovelassem para entrar retina dentro.

Haverão dias melhores, sem dúvida, e espero que seja já amanhã.


Trackback URI | Comments RSS

Leave a Reply

Name

Email

Site

Speak your mind