Good vibrations

Maio 22nd, 2010

Comecei oficialmente esta semana, com duas tardes magníficas, a minha época balnear, ou seja, voltei à praia e ao gozo indescritível do contacto com a areia e o mar, de calçãozinho, chinelinho e toalha, como convém.

Eu noutra encarnação devo ter sido um búzio, uma alga ou um ouriço do mar, e por isso sempre que regresso à praia parece que estou finalmente em casa.

O relaxamento, o divino prazer do dolce fare niente, o suave barulho das ondas a quebrarem na costa, o cheiro da maresia a mimar o olfacto, a esplanada, a areia a abraçar o corpo e o calorzinho a espalhar-se por todos os poros e a aquecer a alma, tudo isto parece estar inscrito no meu código genético e por isso passo o ano todo a suspirar por lá voltar.

Foi só um entróito, é certo, mas já deu para carregar um bocadinho as baterias e sentir aquela onda positiva e cheia de luz, enfim, as boas vibrações que só a praia me dá.


Trackback URI | Comments RSS

Leave a Reply

Name

Email

Site

Speak your mind