Avatar

Dezembro 23rd, 2009
Fui ontem ver o Avatar e fiquei rendido ao mundo de natureza luxuriante de Pandora (o planeta onde se desenrola o filme), aos efeitos visuais magníficos e à imaginação fértil de James Cameron.
Pela primeira vez desde há alguns anos fui verdadeiramente surpreendido e senti que duas horas e quarenta e cinco minutos passaram muito rápido.
Trata-se de uma ficção científica muito bem trabalhada e com uma história coerente e com o ritmo certo, mas o que mais sobressai são os efeitos tridimensionais, que trazem sensações de proximidade únicas, e também o universo de personagens fantástico e os cenários exuberantes e verdadeiramente espectaculares.
Tudo isso é apresentado com as doses certas de acção, romance, aventura, drama e humor, que permitem conhecer este mundo novo com permanente interesse e expectativa, e nos envolvem e mantêm presos ao ecrã até ao final.
Não sei se será o filme que revolucionará a indústria cinematográfica, como muitos apregoam, mas que é um filme que deve ser visto, independentemente de se gostar ou não do género, é.
E é na sala de cinema que ele revela todo o seu potencial e que nos arrebata, definitivamente.


Trackback URI | Comments RSS

Leave a Reply

Name

Email

Site

Speak your mind