Companheira de carteira

Junho 16th, 2009
Desde pequeninos, após a entrada na escola, nos habituamos a ter os chamados “companheiros de carteira”.
São normalmente pessoas que, na nossa meninice, consideramos próximas e com quem partilhamos muita coisa da nossa vida, muitas experiências e descobertas.
Agora, mais velho, cheguei à conclusão que não partilhava uma coisa com os amigos que se sentavam ao meu lado nas mesas de escola da minha juventude, e que é fundamental para a expressão “companheiro de carteira” fazer sentido.
Não partilhava com eles o meu dinheiro e as minhas despesas!
Descobri isto porque agora tenho quem partilhe comigo essas responsabilidades económico-financeiras, o que é o mesmo que dizer que partilhamos as nossas carteiras.
Ou seja, ela é que é a minha verdadeira companheira de carteira e não aqueles amiguinhos que não me ajudavam sequer a pagar um gelado.
Muito menos o faziam todos os meses!
Sendo assim vou reformular a expressão infantil e vou começar a referir-me aos meus amigos de juventude como companheiros de mesa de sala de aula ou companheiros de posto de aprendizagem.