Mário Crespo no JN

Fevereiro 13th, 2009
Chamou-me a atenção este artigo do Mário Crespo, onde ele põe em causa a actuação do Governo, no seguimento do chamado “caso Freeport”.
E chamou-me a atenção por vir de uma pessoa que normalmente se pauta pela sobriedade, que está no centro da informação e que fornece alguns dados na primeira pessoa (ainda que superficialmente) sobre pressões que ele próprio sofreu.
Apreciei a frontalidade e a forma com pôs o dedo numa ferida que toda a gente parece querer ver tapada ao invés de sarada.
Fez-me reflectir sobre o actual estado político do País, a arrogância extrema do Governo, a falta de alternativas, os tiques ditatoriais do actual executivo, a passividade e desinteresse da maioria da opinião pública, a promiscuidade entre os vários poderes e a impunidade dos altos quadros dirigentes.
Resultado da reflexão: preocupação, indignação e frustação por não ver uma solução e um projecto de País com sustentabilidade.

Trackback URI | Comments RSS

Leave a Reply

Name

Email

Site

Speak your mind